Humanize

Role a página para
saber mais

Mobilização de lideranças para contribuir com a qualidade dos serviços e políticas públicas no Brasil

Diversas iniciativas que abordam liderança e atuação estratégica em gestão de pessoas no Setor Público e no Terceiro Setor preenchem o portfólio do humanize

Para o humanize, trabalhar com gestão de pessoas significa colaborar para um setor público mais eficiente em diferentes recortes. Entendemos que, ao lado de nossos parceiros, podemos pensar caminhos para atrair, desenvolver e reter lideranças mais bem preparadas para entregar os melhores serviços públicos aos cidadãos.

Nesse sentido, parte da atuação do nosso programa Gestão Pública está em ações de formação e capacitação, colocando gente no centro e valorizando direções disruptivas. Trabalhamos com outros nomes para realizar articulação de atores a fim de colaborar com a produção, sistematização e customização de conhecimento sobre gestão e políticas públicas. A proposta é auxiliar na geração de aprendizados que contribuam para a construção de serviços e processos eficientes, alinhados às dimensões econômica, ambiental, social e educacional.

Acreditamos em parcerias com universidades e para apoiar a estruturação de cursos para gestores públicos, além de nos aproximarmos de escolas de governo a fim de contribuir com a realização de cursos e programas inovadores que oferecem uma espécie de tutoria a servidores públicos. Também incentivamos a formação e atração de jovens para que eles se motivem a entrar no serviço público e a se qualificar para os cargos.

A nossa movimentação é estimulada por um cenário em que grande parte dos servidores públicos têm baixa qualificação, o que reflete negativamente em questões como: fiscalização, avaliação, proposição e implementação das políticas públicas ligadas à conservação e uso sustentável. Para instigar transformação, o que fazemos ao lado de nossos parceiros passa por ativar conexões que provoquem mudança sistêmica. Conectamos pessoas e instituições em uma rede de troca de conhecimento, auxiliando na disseminação de boas práticas e de histórias de servidores que estão fazendo a diferença no Setor Público e no Terceiro Setor.

Portfólio

Diversas iniciativas que abordam liderança e atuação estratégica em gestão de pessoas no Setor Público e no Terceiro Setor preenchem o portfólio do humanize. Em todas as frentes do programa Gestão Pública se destacam as iniciativas estruturadas em parceria.

No ciclo 2019-2021 cerca de 30% do investimento dessa área do instituto se concretizou por meio de Alianças. No mesmo período, o programa marcou seu portfólio com 161 projetos — que endereçaram diferentes Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS). Na trajetória até aqui, se destacam os objetivos 16 (Paz, Justiça e Instituições Eficazes), 17 (Parcerias e Meios de Implementação), 11 (Cidades e Comunidades Sustentáveis) e 10 (Redução da Desigualdades).

Também no ciclo 2019-2021, o trabalho colaborativo foi responsável por resultados animadores. Foram mais de 770 pessoas selecionadas por processos estruturados (competência, seleção por critérios técnicos), além de mais de 380 gestores públicos capacitados por meio de diferentes iniciativas apoiadas pelo humanize.

Por trás dos grandes números estão casos de destaque. Um deles é o VAMOS, que teve como ponto de partida a Aliança para Lideranças de Impacto no Setor Público e no Terceiro Setor. Em 2017, Instituto humanize e Fundação Lemann iniciaram um diálogo sobre a criação de uma parceria focada em endereçar desafios relacionados às lideranças na gestão pública e no terceiro setor. No mesmo ano, um dos projetos liderados pela Aliança esteve concentrado no esforço de consolidar conhecimento para a seleção de lideranças estratégicas para o setor público.

Para isso, foram realizadas pesquisas nacionais e internacionais, que resultaram na identificação das melhores práticas em gestão de pessoas no setor público. Também foram firmadas as primeiras parcerias para a implementação de soluções, a exemplo da Prefeitura de Santos, que realizou processo seletivo de coordenadores do departamento de atenção básica da Secretaria Municipal de Saúde.

Esse processo culminou com a elaboração de três Guias Práticos para subsidiar a implementação de processos de gestão de pessoas por órgãos públicos: “Identificando cargos de liderança”; “Protocolo para a realização de processos de pré-seleção”; e “Gestão de desempenho”, que foram finalizados e lançados em novembro de 2018. No mesmo ano, Fundação Brava e a República.org passaram a compor a Aliança. A primeira já atuava com projetos de inovação e tecnologias digitais para a melhoria da gestão pública, enquanto a segunda já tinha como foco melhorar a gestão de pessoas do serviço público.

Na frente de Fortalecimento do Terceiro Setor, a primeira iniciativa da Aliança foi o Programa Terceiro Setor Transforma, com o apoio da Thnk School of Creative Leadership. Outro bom exemplo no recorte de gestão de pessoas, a iniciativa de formação teve como objetivo conectar e desenvolver 23 lideranças do terceiro setor em competências pessoais e de gestão, reunindo pessoas com desafios diversos para pensarem e se fortalecerem juntas.

Depois de três anos movimentando diversas projetos a partir das frentes de atuação Gestão de Pessoas no Setor Público e Fortalecimento do Terceiro Setor, em 2021 a Aliança se tornou o VAMOS; ainda reunindo os nomes humanize, Fundação Lemann e República.org.

Continuando com a ideia de que as pessoas são o nosso bem mais precioso e a força capaz de transformar a realidade do Brasil, o VAMOS é uma aliança de organizações sociais que atua de forma colaborativa e coordenada na articulação e mobilização de pessoas, saberes e recursos, promovendo e disseminando uma cultura de engajamento, valorização e gestão estratégica de pessoas que atuam no Setor Público e no Terceiro Setor. A atuação da iniciativa é composta por quatro pilares, são eles:

Criação e Fortalecimento de Ecossistema
Construir um ambiente propício para transformações sistêmicas no setor público e no terceiro setor, reunindo múltiplos atores e conhecimentos

Produção e Disseminação de Conhecimentos
Produzir e disseminar informações para que projetos, propostas e decisões sejam baseados em evidências e nas melhores práticas

Articulação, Mobilização e Legitimidade
Ouvir diferentes vozes e envolver diversos setores da sociedade na construção participativa de soluções

Reconhecimento, Inovação e Busca de Soluções
Reconhecer boas práticas nacionais e internacionais, pensar soluções inovadoras para os desafios públicos e fomentar experiências concretas de transformação

A aliança tem um portfólio vasto de projetos, incluindo o Movimento Pessoas à Frente – que fomenta a atração e a valorização de quem pode fazer a transformação da gestão de pessoas no setor público acontecer na prática, e o Prêmio Espírito Público – que é a maior premiação de reconhecimento de pessoas que transformam o setor público brasileiro. Ao todo, o VAMOS tem 24 projetos ativos.

Veja nossos casos